MORTE DE RUDOLF HESS


NOME: Rudolf Walter Richard Hess (93 anos) 
QUEM FOI: político de destaque da Alemanha Nazista. Nomeado Delegado do Führer por Adolf Hitler em 1933, prestou serviço neste cargo até 1941, quando viajou de avião, sozinho, para a Escócia, numa tentativa de negociar a paz com o Reino Unido durante a Segunda Guerra Mundial. Foi detido e, posteriormente, julgado por crimes de guerra, sendo condenado a prisão perpétua. 
NASCIMENTO: 26 de abril de 1894 - Alexandria, Egito. 
MORTE: 17 de agosto de 1987 - Berlim, Alemanha. 
CAUSA DA MORTE: Suicídio (enforcamento). 
OBS: Hess, com 93 anos de idade, numa casa de Verão que tinha sido construída no jardim da prisão para servir de espaço para leitura. Ele tirou um fio de uma las lâmpadas, prendeu-o a uma das janelas e enforcou-se. Num dos seus bolsos, Hess deixou uma pequena mensagem à sua família a agradecer-lhes por tudo o que fizeram. As quatro potências emitiram uma declaração a 17 de Setembro com a confirmação so suicídio. Sepultado, inicialmente, em local secreto para evitar as atenções dos meios de comunicação ou as demonstrações de simpatizantes nazis, Hess voltou a ser enterrado num local pertencente à família em Wunsiedel, em 17 de Março de 1988, e a sua esposa foi sepultada a seu lado quando morreu em 1995. A Prisão de Spandau foi demolida para evitar que se tornasse num local de culto neo-nazi

MORTE DE TINY TIM


NOME: Herbert Buckingham Khaury (64 anos) 
QUEM FOI: Conhecido artisticamente como Tiny Tim, foi um cantor norte-Americano. Na maior parte da carreira tocou ukulele, participou de musicais e foi arquivista. Ele é mais lembrado pelo seu hit "Tiptoe Through the Tulips", cantada em alto falsete/vibrato de voz. 
NASCIMENTO: 12 de abril de 1932 - Nova York, EUA. 
MORTE: 30 de novembro de 1996 - Minnesota, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Infarto do miocárdio
OBS: Em Setembro de 1996, num festival musical, sofreu um infarto do miocárdio no palco. Sobreviveu e os médicos proibiram-no de atuar, mas ele nunca obedeceu. Dois meses depois, voltou a subir ao palco, em Minneapolis. Começou a cantar e teve outro infarto e morreu.

MORTE DE LUIZ GASPARETTO


NOME: Luiz Antonio Alencastro Gasparetto (68 anos) 
QUEM FOI: psicólogo, médium psicopictográfico, escritor e locutor brasileiro. Durante quase três anos, foi apresentador de televisão do programa Encontro Marcado da RedeTV!, que propunha ajudar casos comuns em família ou sociedade.Tinha estreado na televisão, porém, em 1987, com o programa Terceira Visão, na TV Bandeirantes, programa idealizado pelo espírita Augusto Cesar Vanucci. 
NASCIMENTO: 16 de agosto de 1949 - São Paulo, Brasil. 
MORTE: 3 de maio de 2018 - São Paulo, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de pulmão. 
OBS: Gasparetto era filho da escritora e também médium Zíbia Gasparetto. Luiz falou sobre sua luta contra o câncer em um vídeo publicado em fevereiro no Facebook. “Não estou triste nem abatido. Estou diagnosticado fisicamente com câncer no pulmão. Não tenho medo de morrer porque convivo com fantasmas o dia inteiro”.

MORTE DE AGILDO RIBEIRO


NOME: Agildo da Gama Barata Ribeiro Filho (86 anos) 
QUEM FOI: Ator e humorista brasileiro. Em seis décadas de carreira, criou vários personagens – alguns com bordões que ficaram famosos – e seu rosto se tornou um dos símbolos do humor no Brasil. Agildo fez parcerias memoráveis com Paulo Silvino e Jô Soares. Doutor Babaluf foi um dos personagens políticos do humorista que ficou mais famoso. Chamado de "capitão do riso", Agildo começou como ator no rádio, mas seu reconhecimento veio com os trabalhos cômicos na televisão. 
NASCIMENTO: 26 de abril de 1932 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 28 de abril de 2018 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Problemas cardíacos. 
OBS: Agildo sofria de um grave problema vascular e, após uma queda recente, vinha apresentando dificuldades para se manter em pé por muito tempo. Faleceu em sua casa no Leblon, zona sul do Rio de Janeiro

MORTE DE NILTINHO TRISTEZA


NOME: Nilton de Souza (81 anos) 
QUEM FOI: Cantor e compositor brasileiro. Niltinho é autor dos clássicos "Tristeza/ Por favor vá embora..." e "Liberdade! Liberdade! Abra as asas sobre nós", samba-enredo campeão da Imperatriz Leopoldinense de 1989, que depois virou abertura da novela "Lado a lado" da TV Globo. 
NASCIMENTO: 15 de outubro de 1936 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 10 de fevereiro de 2018 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de pulmão. 
OBS: Niltinho estava internado há 15 dias no Hospital Getúlio Vargas, na Penha, Zona Norte do Rio, e lutava contra um câncer no pulmão. Foi sepultado no Cemitério do Caju.

MORTE DE TÔNIA CARRERO


NOME: Maria Antonieta Portocarrero Thedim (95 anos) 
QUEM FOI: Atriz brasileira. Uma das atrizes mais consagradas do Brasil, Tônia é conhecida por inúmeros papéis marcantes – como Stella Fraga Simpson, em “Água Viva” (1980), e a Rebeca, de "Sassaricando" – e integrou o elenco de 54 peças, 19 filmes e 15 novelas. Sua última novela foi “Senhora do Destino” (2004), de Aguinaldo Silva, na qual fez uma participação especial. No cinema, sua última aparição foi em “Chega de Saudade” (2008). 
NASCIMENTO: 23 de agosto de 1922 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 3 de março de 2018 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Parada cardíaca (durante uma cirurgia). 
OBS: Tônia passava por uma pequena cirurgia em uma clínica particular na Gávea, na Zona Sul do Rio de Janeiro, quando teve uma parada cardíaca e não resistiu. Seu corpo foi cremado no no Memorial do Carmo.

MORTE DE OSWALDO LOUREIRO


NOME: Oswaldo Loureiro Filho (85 anos) 
QUEM FOI: Ator e diretor brasileiro. Atuou em mais de 140 peças, 33 filmes e mais de 20 novela na Globo. Entre elas, foi destaque em "Sangue e Areia" (1968) e "Véu de Noiva" (1969), de Janete Clair, "Roque Santeiro" (1985), de Dias Gomes, e "Que Rei sou Eu?" (1989), de Cassiano Gabus Mendes. Como diretor, colaborou com o seriado "O Bem-Amado" (1980-1985), o humorístico "Os Trapalhões" (1982-1988), e o programa de variedades "Batalha dos Astros" (1983). Oswaldo veio de uma família de artistas: a mãe era cantora lírica, o pai, jornalista e ator; as irmãs, bailarinas do Theatro Municipal. 
NASCIMENTO: 23 de julho de 1932 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 3 de Fevereiro de 2018 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Parada cardíaca (sofria de Alzheimer). 
OBS: Oswaldo estava internado no Hospital São Luiz, em São Paulo. O corpo foi cremado, no Jardim da Colina, em São Bernardo do Campo.

MORTE DE CARLOS HEITOR CONY


NOME: Carlos Heitor Cony (91 anos) 
QUEM FOI: Jornalista e escritor brasileiro. Era editorialista da Folha de S.Paulo e membro da Academia Brasileira de Letras (ABL) desde 2000. Já publicou contos, crônicas e romances. Seu romance mais famoso é de 1995, Quase Memória, que vendeu mais de 400 mil exemplares. Esse livro marca seu retorno à atividade de escritor/romancista. Seu romance, A Casa do Poeta Trágico, foi escolhido o Livro do Ano, obtendo o Prêmio Jabuti, na categoria ficção. Foi eleito para a cadeira 3 cujo patrono é Artur de Oliveira, em 23 de março de 2000, sendo o seu quinto ocupante. Foi recebido em 31 de maio do mesmo ano por Arnaldo Niskier. 
NASCIMENTO: 14 de março de 1926 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 5 de janeiro de 2018 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Falência múltipla dos órgãos iniciada no intestino. 
OBS: Faleceu no Hospital Samaritano, Rio de Janeiro.

MORTE DE JOHN YOUNG


NOME: John Watts Young (87 anos) 
QUEM FOI: Astronauta norte-americano e o nono homem a pisar na Lua, em 1972, no comando da missão Apollo 16. Apesar de sobrepujado em fama pelos astronautas pioneiros do programa espacial americano como John Glenn e Alan Shepard e pelos pioneiros nas missões lunares como Neil Armstrong e Edwin “Buzz” Aldrin, Young foi um dos mais experientes de todos os astronautas dos Estados Unidos, tendo ido ao espaço por seis vezes e comandando missões nos Projetos Gemini, Apollo e no programa do ônibus espacial, único astronauta a realizar este feito, o que o torna uma verdadeira lenda da exploração humana do espaço. Por ir a Lua duas vezes, é chamado de "o homem que conhece a Lua de todos os ângulos". 
NASCIMENTO: 24 de setembro de 1930 - São Francisco, CA, EUA. 
MORTE: 5 de janeiro de 2018 - Houston, Texas, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Complicações de uma pneumonia. 
OBS: Após 42 anos de serviços ininterruptos na NASA, John Young aposentou-se em dezembro de 2004, aos 74 anos de idade, entretanto comparecia ao encontro matinal das segundas-feiras, no Departamento de Astronautas da agência, onde trocava opiniões e dividia experiências com os atuais astronauta.

MORTE DE GRETA THYSSEN


NOME: Grethe Karen Thygesen (90 anos) 
QUEM FOI: Atriz dinamarquesa. Era também dublê de corpo da estrela Marylin Monroe e participou de filmes de "Os Três Patetas". apareceu em diversos filmes B nos anos 50 e 60, sendo mais reconhecida pela participação nos filmes Marcado Para a Morte, de 1956, The Beast of Budapest, de 1958, Three Blondes in His Life, de 1961 e em Journey to the Seventh Planet, de 1962. 
NASCIMENTO: 30 de março de 1927 - Hareskovby, Dinamarca. 
MORTE: 6 de janeiro de 2018 - Manhattan, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Pneumonia. 
OBS: Greta faleceu em seu apartamento na cidade de Manhattan.

MORTE DE FRANCE GALL


NOME: Isabelle Geneviève Marie Anne Gall (70 anos) 
QUEM FOI: Cantora francesa. Um ídolo da juventude francesa ao longo das décadas de 1960, 70 e 80. Gall foi criada numa família de músicos, até o seu avô foi o o co-fundador de uma de formação de jovens cantores chamada "Pequenos Cantores da Cruz de Madeira". Em 1988, alcançou outra vez sucesso em vários países com a canção Ella, Elle l'a. Foi muito popular em França durante a década de 1960, interpretando canções como Les sucettes de Serge Gainsbourg e o seu sucesso chegou ao Reino Unido. A sua última aparição pública foi na cerimónia dos Globos de Cristal a 30 de janeiro de 2017 no Lido de Paris. 
NASCIMENTO: 9 de outubro de 1947 - Patis, França. 
MORTE: 7 de janeiro de 2018 - Paris, França. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de mama
OBS: O compositor e cantor Claude François escreveu, no final de 1966, a música For You, na qual, processou musicalmente o seu relacionamento fracassado com France Gall. Em colaboração com seus colegas compositores Jacques Revaux e o trompetista e compositor Gilles Thibault, em 1967 Claude fez uma fácil modificação na melodia, o que originou a canção Comme d'habitude. My Way, que fez sucesso mundial nas vozes de cantores como Frank Sinatra e Elvis Presley, é uma versão em inglês feita por Paul Anka de Comme d'habitude.

MORTE DE HENRIQUE CÉSAR


NOME: Henrique César (84 anos) 
QUEM FOI: Ator brasileiro. Com um vasto currículo na TV, no teatro e no cinema, Henrique César atuou nas novelas "Passo dos Ventos" (1968), sexta novela das oito da Globo,"Bambolê" (1987), "A Viagem" (1994), "O Cravo e a Rosa" (2000), "Cabocla" (2004), "Páginas da Vida" (2006), "O Profeta", (2006), "Beleza Pura" (2008), "Caras & Bocas" (2009), "Passione" (2010), "Morde & Assopra" (2011) e "Guerra dos Sexos" (2012). O trabalho mais recente do ator foi uma participação em "Babilônia" (2015), como um cadeirante que protestou após tentar usar a rampa da calçada e ser impedido por causa do carro de Luís Fernando (Gabriel Braga Nunes). 
NASCIMENTO: 11 de janeiro de 1933 - Canguçu, RS, Brasil. 
MORTE: 9 de janeiro de 2018 - Rio de Janeiro, RJ, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de estômago. 
OBS: Ele tratava de um câncer no estômago e estava internado no hospital municipal Ronaldo Gazolla, no bairro de Acari, zona norte do Rio, com pneumonia e metástase.

MORTE DE HEATHER MENZIES


NOME: Heather Menzies-Urich (68 anos) 
QUEM FOI: Atriz canadense, famosa por interpretar Louisa, a terceira criança na escadinha Von Trapp em A noviça rebelde. Durante as filmagens, salvou Kym Karrath (Gretl) de se afogar. Na cena, gravada em um lago, Julie Andrews deveria pular e salvar a menina, mas pulou por engano do lado errado. Heather foi quem tirou Kym da água, e ambas ficaram próximas após o incidente. Heather continuou a fazer sucesso em filmes como “Hawaii”, “Piranha” e “O Homem-Cobra”, e posou para a revista masculina “Playboy”. Casou-se com Robert Urich, seu marido por 28 anos, que morreu de câncer. Tornou-se produtora e comanda a 'Fundação Robert Urich para o Câncer'. 
NASCIMENTO: 3 de dezembro de 1949 - Toronto, Canadá. 
MORTE: 24 de dezembro de 2017 - Frankford, Canadá. 
CAUSA DA MORTE: Câncer cerebral. 
OBS: Heather foi diagnosticada com câncer no cérebro pouco tempo antes de morrer.

MORTE DE JOSÉ LOUZEIRO


NOME: José de Jesus Louzeiro (85 anos) 
QUEM FOI: Escritor, roteirista e autor de telenovela brasileiro. Atuou em veículos como os jornais Correio da Manhã e Última Hora, além da revista Manchete. Jornalista desde 1948, quando começou a trabalhar no jornal O Imparcial, de São Luís, sua cidade natal, Louzeiro produziu diversos livros de reportagem como Aracelli, Meu Amor. Sua principal obra no formato foi Lúcio Flávio, o Passageiro da Agonia (1976), que inspirou o filme de Hector Babenco, de 1977, do qual foi corroteirista (com o diretor e Jorge Duran). Babenco inspirou-se em outro livro dele, A Infância dos mortos, para fazer Pixote, a Lei do Mais Fraco, em 1981. 
NASCIMENTO: 19 de setembro de 1932 - São Luís, MA, Brasil. 
MORTE: 29 de dezembro de 2017 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Parada cardiorrespiratória. 
OBS: Com mais de 50 livros publicados ao todo, desde que estreou na literatura, em 1958, Louzeiro escreveu biografias e obras infanto-juvenis. Seu trabalho derradeiro foi o roteiro para o filme Vigário Geral, um dos dez que produziu para o cinema.

MORTE DE ARACY CARDOSO


NOME: Aracy Cardoso Fróes (86 anos) 
QUEM FOI: Atriz brasileira. Muito conhecida como a Zazá, de "A gata comeu", participou também de muitas outras novelas como "Fogo sobre a Terra", "À sombra dos laranjais", "Vejo a lua no céu" e "Memórias de amor". Sua última participação aconteceu na novela "Sol nascente", em 2017. 
NASCIMENTO: 17 de junho de 1937 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 26 de dezembro de 2017, Copacabana, RJ, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Infecção pulmonar. 
OBS: Aracy estava internada no CTI no hospital São Lucas, em Copacabana, na Zona Sul do Rio, e não resistiu a uma infecção pulmonar. Seu corpo foi velado no Memorial do Carmo, no Caju, Zona Norte do Rio e posteriormente foi cremado.

MORTE DE PRINCESA ISABEL


NOME: Isabel Cristina Leopoldina Augusta Micaela Gabriela Rafaela Gonzaga de Bragança e Bourbon d Orléans (75 anos) QUEM FOI: Apelidada de "a Redentora", foi a segunda filha, a primeira menina, do imperador Pedro II do Brasil e sua esposa a imperatriz Teresa Cristina das Duas Sicílias. Como a herdeira presuntiva do Império do Brasil, ela recebeu o título de Princesa Imperial. A morte de seus dois irmãos homens a fez a herdeira de Pedro. A própria personalidade de Isabel a distanciou da política e de quaisquer confrontos com seu pai, ficando satisfeita com uma vida calma e doméstica. Além disso, apesar da sua educação ter sido bem ampla, ela jamais foi preparada para assumir o trono. Isabel se casou em 1864 com o príncipe francês Gastão, Conde d'Eu, com quem teve três filhos: Pedro de Alcântara, Luís e Antônio. 
NASCIMENTO: 29 de julho de 1846 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 14 de novembro de 1921 - Castelo d'Eu, França. 
CAUSA DA MORTE: Causas Naturais. 
OBS: Com a proclamação da República, em 1889, a família real deixou o Brasil para se exilar na Europa. A princesa Isabel viveu os seus últimos dias em Paris, com grandes dificuldades de locomoção no final de sua vida. Morreu de causas naturais Em 6 de julho de 1953 seu corpo foi trazido para o Mausoléu Imperial na Catedral de Petrópolis.

MORTE DE JOSÉ BONIFÁCIO


NOME: José Bonifácio de Andrada e Silva (74 anos) 
QUEM FOI: Naturalista, estadista e poeta brasileiro. É conhecido pelo epíteto de "Patriarca da Independência" por ter sido uma pessoa decisiva para a Independência do Brasil. Pode-se resumir brevemente sua atuação dizendo que foi ministro do Reino e dos negócios estrangeiros de janeiro de 1822 a julho de 1823. De início, colocou-se em apoio à regência de D. Pedro de Alcântara. Proclamada a Independência, organizou a ação militar contra os focos de resistência à separação de Portugal, e comandou uma política centralizadora. Deixou poucos bens, mas sua biblioteca contava com seis mil volumes. 
NASCIMENTO: 13 de junho de 1763 - Santos, SP, Brasil. 
MORTE: 6 de abril de 1838 - Niterói, RJ, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Tuberculose. 
OBS: José Bonifácio abandonou a vida política e passou o restante de seus dias em reclusão, em sua casa na ilha de Paquetá, dentro da Baía de Guanabara. Morreu ali perto, em Niterói, aos 74 anos, dia 6 de abril. Seu cadáver, embalsamado, foi levado três dias depois para o Rio de Janeiro, depositado na Igreja da Ordem Terceira de Nossa Senhora do Carmo, onde ficou exposto até o dia 25 de abril. Nessa data, sua filha D. Gabriela Frederica Ribeiro de Andrada o levou para Santos, sepultando-o na capela-mor da Igreja Nossa Senhora do Carmo, segundo disposição testamentária. Gabriela Frederica e os filhos (filha de José Bonifácio, casou-se com o tio Martim Francisco). Atualmente, os seus restos mortais jazem ao lado dos despojos de seus ilustres irmãos, Antônio Carlos, Martim Francisco e o padre Patrício Manuel, num monumento situado em Santos, na Praça Barão do Rio Branco 16, denominado Panteão dos Andradas, inaugurado no dia 7 de setembro de 1923.

MORTE DE JOHNNY HALLYDAY


NOME: Jean-Philippe Smet (74 anos) 
QUEM FOI: Cantor e ator francês de origem belga por parte do pai. Foi um dos principais astros do rock'n'roll francês. Em 50 anos de carreira, a estrela do roque francês entusiasmou três gerações, gravando cerca de 40 álbuns e vendendo mais de 100 milhões de discos no planeta, em meio a uma vida particular marcada por polêmicas. "O Elvis francês", como era conhecido, fez carreira com versões francesas de músicas norte-americanas de rock e pop, incluindo "House of the Rising Sun", que muitos franceses só conhecem como "Le Pénitencier", um dos seus maiores sucessos. 
NASCIMENTO: 6 de dezembro de 2017 - Marnes-la-Coquette, França. 
MORTE: 30 de novembro de 2017 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de pulmão. 
OBS: O cortejo fúnebre de Hallyday percorreu a famosa avenida Champs Elysees, do Arco do Triunfo até a Praça da Concórdia, em uma rara homenagem geralmente reservada a estadistas estrangeiros no Dia Nacional, em 14 de julho. Sua morte provocou dias de luto nacional.

MORTE DE ANA MARIA NASCIMENTO E SILVA


NOME: Ana Maria Nascimento e Silva (65 anos) 
QUEM FOI: Atriz brasileira. Dentre as novelas que Ana Maria Nascimento e Silva fez, estão "O salvador da pátria" (1989), "Quatro por quatro" (1994) e "Zazá" (1997). Na TV, também participou de "Araponga" (1990) e "Engraçadinha... Seus amores e seus pecados" (1995). A última novela foi "Jamais te esquecerei" (2003), do SBT. Formada em história da arte, ela também atuou no cinema. Um de seus primeiros trabalhos foi "Paraíso no inferno" (1977), de Joel Barcellos. Esteve ainda em "O bem dotado – O homem de Itu" (1978), de José Miziara, com Nuno Leal Maia no papel principal, "Os trombadinhas" (1979), de Anselmo Duarte, e "Asa Branca – Um sonho brasileiro" (1980). Na década de 1980, fez "A mulher sensual" (1981) e "Ao sul do meu corpo" (1982), com direção de Paulo César Saraceni, com quem se casou (1932-2012) e de quem era viúva. 
NASCIMENTO: 12 de abril de 1952 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 30 de novembro de 2017 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de mama. 
OBS: O velório aconteceu no Memorial do Carmo, Zona Norte do Rio.

MORTE DE ZÉ PEDRO (Musico)


NOME: José Pedro Amaro dos Santos Reis (61 anos) 
QUEM FOI: Músico português, guitarrista e fundador da banda de rock portuguesa Xutos & Pontapés. Aos 22 anos, fundou os Xutos & Pontapés após colocar um anúncio no jornal: "Baterista e baixista precisam-se para grupo punk". O músico era conhecido pela sua enorme alegria em cima do palco e fora dele. Apesar de ser o guitarrista ritmo da banda, é considerado um ícone para o rock português, e foi compositor de alguns clássicos dos Xutos como "Submissão" (onde participa como vocalista) e "Não Sou o Único". Em 9 de junho de 2004, foi feito Comendador da Ordem do Mérito. Chegou a ser consumidor de drogas. Assumia abertamente esse fato e orgulhava-se de estar completamente recuperado. Teve hepatite C, desde 2001, doença que quase lhe custou a vida e o obrigou a um transplante de fígado em 2011. 
NASCIMENTO: 14 de setembro de 1956 - Lisboa, Portugal. 
MORTE: 30 de novembro de 2017 - Lisboa, Portugal. 
CAUSA DA MORTE: Insuficiência hepática em decorrência de uma hepatite C. 
OBS: Zé Pedro morreu em sua casa, depois de anos lutando contra a doença hepática.

MORTE DE EVA TODOR


NOME: Eva Fodor Nolding (98 anos) 
QUEM FOI: Atriz húngara-nrasileira. Antes de ganhar as TVs do país, Eva brilhou nos palcos. O teatro chegou à sua vida nos anos 1930. Depois foi convidada para seu primeiro longa-metragem, em 1960, “Os Dois Ladrões”, de Carlos Manga, quando atuou ao lado de Oscarito. No ano seguinte, estreou na televisão. Foi contratada pela TV Tupi para estrelar “As Aventuras de Eva” e para participar de “E Nós, Aonde Vamos?”. A atriz estreou na TV Globo como Kiki Blanche, em “Locomotivas” (1977), de Cassiano Gabus Mendes, primeira novela colorida no horário das 19h. A partir daí, não parou mais, sempre atuando com o que chamava de “gênero Eva”, um humor fino que virou sua marca registrada. Ela fez "Coração Alado" (1980), "Sétimo Sentido" (1982), "O Outro" (1987), "Top Model" (1989), “Suave Veneno” (1999), "O Cravo e a Rosa" (2000), "América" (2005) e "Caminho das Índias" (2009). Eva também atuou em minisséries e especiais, como “Brava Gente”, “Você Decide”, “Malhação”, “Hilda Furacão”, “Sob Nova Direção”, “A Diarista” e “Casos e Acasos”. Sua última aparição na TV foi em 2012, na novela “Salve Jorge”, na qual interpretou Dália. No mesmo ano, fez uma participação especial em “As Brasileiras”. 
NASCIMENTO: 9 de novembro de 1919 - Budapeste, Hungria. 
MORTE: 10 de dezembro de 2017 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Pneumonia. 
OBS: Eva sofria de Mal de Parkison e faleceu em decorrência de uma pneumonia, em sua casa às 8h50min. Seu corpo foi velado no Theatro Municipal do Rio de Janeiro. Eva foi cremada.

MORTE DE MÁRCIA CABRITA


NOME: Márcia Martins Alves (53 anos) 
QUEM FOI: Atriz e humorista brasileira. O trabalho mais recente de Márcia foi na novela "Novo Mundo", exibida pela TV Globo na faixa das 18h entre março e setembro deste ano. Ela interpretava a personagem Narcisa. Seu papel mais conhecido foi no humorístico "Sai de baixo", também da Globo. Ela participou do programa entre 1997 e 2000, no papel da empregada Neide Aparecida. Ela estreou na TV na minissérie "As noivas de Copacabana" (1992). Dentre as novelas nas quais atuou, estão "Desejos de mulher" (2002), "Sete pecados" (2007), "Beleza pura" (2008) e "Morde & Assopra" (2011). 
NASCIMENTO: 20 de janeiro de 1964 - Niterói, RJ, Brasil. 
MORTE: 10 de novembro de 2017 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de ovário. 
OBS: Em 2010, ela foi diagnosticada com câncer no ovário e se submeteu a uma cirurgia para a retirada dos ovários e do útero. Em seguida, iniciou quimioterapia para tratamento da doença.

MORTE DE ROBERT JOHNSON


NOME: Robert Leroy Johnson (27 anos) 
QUEM FOI: Cantor e guitarrista norte-americano de blues. Johnson é um dos músicos mais influentes do Mississippi Delta Blues e é uma importante referência para a padronização do consagrado formato de doze compassos para o blues. Influenciou grandes artistas durante anos como Muddy Waters, que considerava Johnson "o mais importante cantor de blues que já viveu". Em 2011, foi eleito o 71º melhor guitarrista de todos os tempos por um enquete de eleitores e colaboradores da revista norte-americana Rolling Stone. 
NASCIMENTO: 8 de maio de 1911 - Mississippi, EUA. 
MORTE: 16 de agosto de 1938 - Mississippi, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Pneumonia (estava se recuperando de um envenenamento).
OBS: Em 1938 durante uma apresentação no bar "Tree Forks", Johnson bebeu whisky envenenado com estricnina, supostamente preparado pelo dono do bar, o qual estava enciumado porque o músico supostamente flertou com sua mulher. Sonny Boy Williamson, que estava tocando junto com Jonhson, havia alertado-o sobre o whisky, porém este não lhe deu atenção. Johnson se recuperou do envenenamento, mas contraiu uma pneumonia e morreu 3 dias depois, em 16 de agosto de 1938, em Greenwood, Mississippi. Há várias versões populares para sua morte: que haveria morrido envenenado pelo whisky, que haveria morrido de sífilis e que havia sido assassinado com arma de fogo, etc.. Seu certificado de óbito cita apenas "No Doctor" (sem médico) como causa da morte.

MORTE DE MUDDY WATERS


NOME: McKinley Morganfield (70 anos) 
QUEM FOI: Músico e cantor de blues norte-americano, considerado o pai do Chicago blues. Foi considerado o 49º melhor guitarrista de todos os tempos pela revista norte-americana Rolling Stone. Seu primeiro instrumento foi a gaita, que aprendeu a tocar aos 13 anos, tocava nas esquinas por trocados e comida junto com um amigo. Enquanto ainda jovem, viu Charley Patton e Son House tocarem, Son House inclusive foi uma grande influência, ele mostrou a Muddy como tocar guitarra slide com uma garrafa de vidro, o que o levou a trocar de instrumento aos 17 anos. Entre outras canções com as quais Waters tornou-se conhecido estão Long Distance Call, Mannish Boy e o hino do rock/blues I’ve Got My Mojo Working. Um pouco da história de Muddy Waters e da Chess Records foi retratada no filme Caddilac Records de 2008. Muddy Waters foi induzido ao "Blues Hall of Fame" em 1980 e ao "Rock and Roll Hall of Fame'" em 1987. 
NASCIMENTO: 4 de abril de 1913 - Mississippi, EUA. 
MORTE: 30 de abril de 1983 - Illinois, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Insuficiência cardíaca (enquanto dormia). 
OBS: Em 30 deFaleceu vítima de Insuficiência cardíaca enquanto dormia na sua casa em Westmont, Illinois. Foi enterrado no "Restvale Cemetery" em Alsip, Illinois. A cidade de Chicago e o subúrbio de Westmont homenageram Muddy colocando seu nome em vias públicas.

MORTE DE CHARLES BRADLEY


NOME: Charles Bradley (68 anos) 
QUEM FOI: Cantor estadunidense de funk, soul e R&B. Bradley Lançou seus primeiros discos depois dos 60 anos: “No Time for Dreaming” (2011) e “Victim of Love” (2013). Em 2016, saiu seu terceiro álbum, "Changes". Nele, o músico reflete sobre o turbilhão político nos Estados Unidos e o risco de crescimento de ideias extremistas: "Se não tivermos cuidado, estaremos novamente segregados", canta em "Change for the world". Ele diz que é importante cultivar a humildade em tempos como esse. E avalia, sem se alongar: "Acho que a América está em perigo agora. Não só a América, o mundo todo". Nascido em Miami, Charles Bradley se mudou para o bairro do Brooklyn, em Nova York, ainda criança. Lá, ia a shows de James Brown. Mais tarde, fez shows em clubes nova-iorquinos como sósia Brown. 
NASCIMENTO: 5 de novembro de 1948 - Flórida, EUA. 
MORTE: 23 de setembro de 2017 - Flórida, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de estômago (espalhou para o fígado). 
OBS: Charles havia cancelado sua turnê – incluindo uma apresentação no Rock in Rio – após passar mal e descobrir que o câncer havia se espalhado e atingido o fígado.

ATAULFHO ALVES JÚNIOR


NOME: Ataulpho Alves de Souza Júnior (74 anos) 
QUEM FOI: Cantor brasileiro, filho do compositor Ataulfo Alves de Souza, herdou do pai o tradicional lenço branco que foi sua marca registrada. Seu grande sucesso, Os meninos da Mangueira, foi gravado em 1976. Com 40 anos de carreira, gravou cerca de 20 discos. Ganhou inúmeros troféus e se apresentou em Portugal e na Espanha. Defensor da MPB, participou com grande sucesso de importantes programas de televisão e rádio. 
NASCIMENTO: 5 de agosto de 1943 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 15 de outubro de 2017 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Infarto do miocárdio. 
OBS: Ele tinha 74 anos e morreu no apartamento onde morava com a família na Glória, Zona Sul do Rio. De acordo com a mulher dele, Malu, o cantor estava vendo televisão quando deitou sua cabeça em seu ombro e não acordou mais.

MORTE DE JOSÉ CARLOS CARBONI


NOME: José Carlos Fantini Carboni (68 anos) 
QUEM FOI: Jornalista brasileiro. um dos mais competentes jornalistas esportivos do Brasil. Foi diretor de redação de "A Gazeta Esportiva", chefe da divisão de jornalismo esportivo da Rádio Jovem Pan-AM por quase 20 anos, e também passou pela TV Cultura, de São Paulo. Em 2004, assumiu o comando da Rádio Bandeirantes AM 840 e FM 90,9, onde ocupou o cargo de diretor de jornalismo até fevereiro de 2017. 
NASCIMENTO: 3 de novembro de 1949 - São Paulo, Brasil. 
MORTE: 16 de outubro de 2017 - São Paulo, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Infarto do miocárdio. 
OBS: Era formado em Psicologia.

MORTE DE ATAULFO ALVES


NOME: Ataulfo Alves de Sousa (59 anos) 
QUEM FOI: Compositor e cantor de samba brasileiro, um dos sete filhos de um violeiro, acordeonista e repentista da Zona da Mata chamado "Capitão" Severino. Aos oito anos de idade, já escrevia versos. Foi leiteiro, condutor de bois, carregador de malas, menino de recados, engraxate, marceneiro e lavrador, ao mesmo tempo em que frequentava a escola. Aos dez anos, perdeu o pai e sua mãe foi. Mais tarde com os filhos, passou a morar no centro de Miraí. Aos dezoito anos fixou residência no Rio de Janeiro acompanhando um médico para quem trabalhava dia e noite como ajudante de farmácia. Aos dezenove anos tocava violão, cavaquinho e bandolim. Sua musicografia ultrapassa 320 canções, sendo uma das maiores da música popular brasileira. 
NASCIMENTO: 2 de maio de 1909 - Miraí, MG, Brasil. 
MORTE: 20 de abril de 1969 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Complicações de uma úlcera. 
OBS: Ataulfo faleceu em decorrência do agravamento de uma úlcera, após uma intervenção cirúrgica, no Rio de Janeiro, poucos dias antes de completar 60 anos de idade.

MORTE DE ALBERT COLLINS


NOME: Albert Collins (61 anos) 
QUEM FOI: Músico, guitarrista e cantor de blues. Ele tinha muitos apelidos dados pelos admiradores, como "The Ice Man" ("Homem de Gelo") e "O Mestre da Telecaster". Foi considerado o 56º melhor guitarrista de todos os tempos pela revista norte-americana Rolling Stone. 
NASCIMENTO: 1º de outubro de 1932 - Leona, Texas, EUA.  
MORTE: 24 de dezembro de 1993 - Texas, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de pulmão. 
OBS: formou sua primeira banda em 1952, e dois anos depois já era a atração principal em vários clubes de blues Houston, Texas. No final dos anos 50, ele escolheu a Fender Telecaster como seu equipamento, e desenvolveu um estilo único com afinações em tons menores, notas sustentadas e atacadas com os dedos da mão direita. Ele também freqüentemente usava um capotraste em sua guitarra, particularmente na 5ª, 7ª e 9ª casa.

MORTE DE FATS DOMINO


NOME: Antoine Dominique Domino (89 anos) 
QUEM FOI: Um dos mais importantes cantores, compositores e pianistas do rock e R&B em todos os tempos, considerado uma lenda do rock e influência de Elvis Presley e Beatles. Ao longo de cinco décadas de carreira, Fats Domino vendeu mais de 65 milhões de discos durante suas cinco décadas de carreira. Conhecido por músicas como "Ain't that a shame", "I'm walking", "Blueberry hill" e "I'm walking to New Orleans", Domino foi um dos artistas mais influentes das décadas de 1950 e 1960, que marcou a popularização do gênero. Seu single de estreia, "The Fat Man", de 1949, é tido como uma das primeiras gravações de rock de todos os tempos. Foi o primeiro single do estilo a vender 1 milhão de cópias, chegando ao número 2 nas paradas de R&B. Além disso, Domino foi um dos primeiros músicos de R&B e blues a fazer sucesso entre o público branco, ainda nos anos 1950. 
NASCIMENTO: 26 de fevereiro de 1928 - Louisiana, EUA. 
MORTE: 25 de outubro de 2017 - Louisiana, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Causas naturais. 
OBS: O obituário da BBC cita que, em um de seus shows em Las Vegas, Elvis Presley se referiu a Domino da seguinte forma: "Este senhor foi uma influência enorme para mim quando comecei". Já Paul McCartney teria dito que a música "Lady Madonna", dos Beatles, é inspirada no estilo de Domino.

MORTE DE ROBERT GUILLAUME


NOME: Robert Peter Williams (89 anos) 
QUEM FOI: Ator norte-americano. ficou conhecido por interpretar o personagem principal na série de TV dos EUA "O poderoso Benson". O ator ganhou dois prêmios Emmy e foi indicado três vezes ao Globo de Ouro pelo trabalho na série, entre 1979 e 1986. No cinema, seu trabalho mais conhecido foi a dublagem do personagem Rafiki na animação "O Rei Leão". Ele ganhou um prêmio Grammy em 1995 pelo disco de histórias infantis que ele narra na voz de Rafiki. 
NASCIMENTO: 30 de novembro de 1927 - Missouri, EUA. 
MORTE:24 de outubro de 2017, Los Angeles, CA, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de próstata. 
OBS: Robert também trabalhou em outras séries como "CSI" e de filmes como "Peixe grande e suas histórias maravilhosas".

MORTE DE MARCELO REZENDE


NOME: Marcelo Luiz Rezende Fernandes (65 anos) 
QUEM FOI: Jornalista, repórter e apresentador de televisão brasileiro. Começou sua carreira como repórter esportivo nos anos 70 do Jornal dos Sports. Trabalhou em O Globo, revista Placar e chegou à TV em 1987 para trabalhar na Globo. Entre os destaques está a cobertura do caso da operação da polícia na Favela Naval, em Diadema e a apresentação do programa Linha Direta. Trabalhou também na Band e Rede TV. 
NASCIMENTO: 12 de novembro de 1951 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 4 de setembro de 2017 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Falência múltipla dos órgãos em consequência de um câncer no pâncreas com metástase no fígado. 
OBS: Rezende foi diagnosticado no início do ano com câncer no pâncreas com metástase no fígado. Ele se afastou do comando do programa Cidade Alerta, da TV Record, para fazer o tratamento de quimioterapia. Ele estava internado no Hospital Moriah, na Zona Sul de São Paulo. Deixou cinco filhos e netos.

MORTE DE ROGÉRIA


NOME: Astolfo Barroso Pinto (74 anos) 
QUEM FOI: Atriz brasileira. Nascida como Astolfo Pinto em Cantagalo, no interior do estado do Rio, Rogéria intitulava-se a "Travesti da Família Brasileira". A artista começou a sua carreira como maquiadora da TV Rio. Já nos primeiros anos de carreira ficou conhecida como simbolo gay e nome marcante na luta contra a homofobia. Como atriz, estreou nos anos 1960 na galeria Stop Club. Ela participou de filmes no cinema brasileiro e era presença frequente em programas de auditório como jurada. Em 1979, ela recebeu o troféu Mambembe pelo espetáculo "O Desembestado", que fez ao lado de Grande Otelo. A atriz atuou em novelas como "Tieta", em 1989; Paraíso Tropical, em 2007; e viveu uma atriz de teatro em "Lado a Lado. Leandra Leal dirigiu o espetáculo "Rogéria" para comemorar os 50 anos de carreira da atriz e outras travestis pioneiras. 
NASCIMENTO: 25 de maio de 1943, Cantagalo, RJ, Brasil. 
MORTE: 4 de setembro de 2017 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Choque séptico. 
OBS: De acordo com a unidade hospitalar, ela estava internada na unidade desde 8 de agosto devido a um quadro de infecção urinária. No último dia 25 de agosto, a atriz chegou a receber alta da Unidade de Tratamento Intensivo do hospital e foi levada para o quarto. Em julho, a atriz tinha sido internada por duas semanas em uma clínica em Laranjeiras, na Zona Sul do Rio. Ela deu entrada na unidade no dia 13 por conta de uma infecção generalizada. O seu quadro havia piorado depois de uma crise convulsiva.

MORTE DE JERRY LEWIS


NOME: Joseph Levitch (91 anos) 
QUEM FOI: Humorista norte-americano. Além de influenciar uma geração inteira de comediantes e ser um ícone do riso, Jerry também conduziu causas humanitárias, como seu programa beneficente anual do Dia do Trabalho para a Associação de Distrofia Muscular, que ele começou a apresentar em 1952. A aposentadoria do evento só veio em 2011. Por seu trabalho nessa área, Lewis chegou a figurar na lista dos candidatos a recebe o Nobel da Paz em 1977. Ao longo de sua carreira, Lewis ganhou vários prêmios pelas suas atuações, como American Comedy Awards, Golden Camera, Los Angeles Film Critics Association e do Festival de Venice. Além disso, possui duas estrelas na Calçada da Fama. Em 2005, recebeu o Governors Award da Academia de Artes e Ciências Televisivas. 
NASCIMENTO: 16 de março de 1926 - Newark, Nova Jersey, EUA. 
MORTE: 20 de agosto de 2017 - Las Vegas, Nevada, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Causas naturais. 
OBS: Jerry Lewis nunca recebeu um Oscar por sua atuação nas telonas. Ele só foi lembrado pela Academia de Cinema em 2009, quando recebeu um Oscar por seu trabalho humanitário.

MORTE DE PAULO SILVINO


NOME: Paulo Ricardo Campos Silvino (78 anos) 
QUEM FOI: Humorista brasileiro. Durante as décadas de 1960 e 1970, ampliou sua produção musical e teatral, escrevendo e atuando em peças e filmes. Passa pelas extintas TV Tupi, TV Continental, TV Rio e TV Excelsior. Estreou na TV Globo em 1967, em TV Ó – Canal Zero e ganha dois prêmios como o melhor comediante de televisão do ano. Desde então, apresentou e foi destaque em diversos programas de humor da TV Globo: Faça Humor, Não Faça Guerra, Satiricom, Planeta dos Homens, Balança Mas Não Cai, Viva o Gordo e Brasil Pandeiro. Em 1988, comandou inúmeras vezes o Cassino do Chacrinha, substituindo o Velho Guerreiro. No cinema, participou de Um Edifício Chamado 200 (1973), Com a Cama na Cabeça (1973, autor do argumento), O Rei da Pilantragem (1968), Minha Sogra É da Policia (1958) e Sherlock de Araque (1957) 
NASCIMENTO: 27 de julho de 1939 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 17 de agosto de 12017 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de estômago. 
OBS: Silvino faleceu em casa, na Barra da Tijuca, Zona oeste do Rio, no início da manhã. Silvino chegou a ser submetido a uma cirurgia no ano passado, mas o câncer se espalhou e a opção da família foi que ele fizesse o tratamento em casa.

MORTE DE LUIZ MELODIA


NOME: Luiz Carlos dos Santos (66 anos) 
QUEM FOI: Cantor, compositor e ator brasileiro. Abandonou o ensino médio e passou a adolescência compondo e tocando sucessos da Jovem Guarda e Bossa Nova, além de mergulhar no mundo do samba, o que gerou um estilo musical diferenciado e único do artista. Em 1972, os amigos poetas Wally Salomão e Torquato Neto levaram uma composição de Luiz Melodia para Gal Costa. Ela adorou, gravou e a música virou um sucesso. No palco, a música foi cantada ao lado de Cássia Eller. Lançou seu primeiro LP em 1973, Pérola Negra. No "Festival Abertura", competição musical da Rede Globo, consegue chegar à final com sua canção "Ébano". Nas décadas seguintes Melodia lançou diversos álbuns e realizou shows no Brasil e na Europa. Em 1987, apresentou-se em Chateauvallon, na França, e em Berna, Suíça. Em 1992, participou do "III Festival de Música de Folcalquier", na França, e, em 2004, do Festival de Jazz de Montreux, à beira do Lago Leman, onde se apresentou no Auditorium Stravinski, palco principal do festival. Participou do quarto disco solo do titã Sérgio Britto, lançado em setembro de 2011 (Purabossanova). Em 2015, ganhou o 26º Prêmio da Música Brasileira na categoria Melhor Cantor de MPB. 
NASCIMENTO: 7 de janeiro de 1951 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 4 de agosto de 2017 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de medula. 
OBS: Luiz Melodia chegou a fazer um transplante de medula óssea e resistiu ao procedimento, mas não vinha respondendo bem à quimioterapia. O compositor foi internado no dia 28 de março no Hospital Quinta D’Or, na Zona Norte, para fazer sessões de quimioterapia no combate a um mieloma múltiplo (tipo de câncer de sangue), diagnosticado meses antes.

MORTE DE ELIZA CLÍVIA


NOME: Eliza Clívia Angelino Maranhão (37 anos) 
QUEM FOI: Cantora brasileira de forró eletrônico. Ela foi conhecida por seus trabalhos na banda Cavaleiros do Forró, e mais tarde no grupo Cavalo de Aço. Em 2017 a cantora anunciou seu desligamento da banda Cavalo de Aço para investir em sua carreira solo. 
NASCIMENTO: 14 de novembro de 1979 - Livramento, PB, Brasil. 
MORTE: 16 de junho de 2017 - Sergipe, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Acidente de carro. 
OBS: Eliza morreu após um acidente automobilístico no cruzamento das ruas Maruim e Arauá, Centro de Aracaju, Sergipe. O veículo em que ela encontrava-se colidiu com um ônibus do transporte urbano. Além de Eliza e do motorista estavam no carro o namorado Sergio Ramos da Silva, também morto no acidente, um músico e o empresário da cantora. Ela foi sepultada na cidade do Cariri paraibano, local onde nasceu.