Você gosta de IMAGENS HISTÓRICAS? Experimente o Facebook @capsulahistorica, ou o blog: www.FOTONAHISTORIA.blogspot.com

PAPA INOCÊNCIO VIII


NOME: Rosa Giovanni Battista Cibo (60 anos) 
QUEM FOI: Papa de 29 de Agosto de 1484 até a data da sua morte. Foi a primeira pessoa a receber uma transfusão de sangue (embora com insucesso). Em 1492, o Papa Inocêncio VIII estava à beira da morte. Para tentar salvá-lo, um médico sugeriu uma transfusão de sangue. Mas, como na época o funcionamento do sistema sanguíneo não era conhecido, a transfusão foi feita via oral. O final dessa história bizarra foi triste para o líder da Igreja Católica da época e para os doadores: todos morreram. Relata-se que três meninos de dez anos de idade ofertaram seu sangue ao Papa, em troca de um ducado (moeda corrente à época nos estados papais) prometido pela Igreja. O primeiro menino faleceu logo após retirarem seu sangue, mas o Papa mostrou uma ligeira melhora após beber o “remédio” bizarro. Depois da primeira morte, os médicos retiraram menos sangue do segundo “voluntário”, acreditando que o outro tinha morrido devido a grande quantidade de sangue retirada. Após a segunda transfusão oral, o Papa Inocêncio teve febre alta, seus rins pararam de funcionar e ele faleceu. A terceira criança teve o sangue retirado, o que acabou por salvá-la da morte. Mas, de acordo com o escritor italiano Stefano Infessura, as outras duas crianças morreram pouco tempo depois. 
NASCIMENTO: 1432 - Gênova, Itália. 
MORTE: 25 de Julho de 1492 -Roma, Itália. 
CAUSA DA MORTE: Falência dos rins. 
OBS: Foi então proclamada, em 1484, a Bula contra os Bruxos, pelo Papa Inocêncio VIII. Neste documento, ele relacionava os crimes atribuídos aos bruxos e dava plenos poderes à Inquisição para prender, torturar e punir todos aqueles que fossem suspeitos do 'crime de feitiçaria'.

MORTE DE ROSA PARKS


NOME: Rosa Louise McCauley (92 anos) 
QUEM FOI: Costureira negra norte-americana, símbolo do movimento dos direitos civis dos negros nos Estados Unidos. Ficou famosa, em 1º de dezembro de 1955, por ter-se recusado frontalmente a ceder o seu lugar no ônibus a um branco, tornando-se o estopim do movimento que foi denominado BOICOTE AOS ÔNIBUS DE MONTGOMERY e posteriormente viria a marcar o início da luta antissegregacionista. Na quinta-feira, 1 de dezembro de 1955, Rosa Parks estava sentada na fileira mais à frente destinada às pessoas negras. Quando um homem branco entrou no veículo, o motorista James F. Blake, disse a todos na fileira na qual ela estava que se movessem para trás para criar uma nova fileira para os brancos. Ao mesmo tempo em que todos os outros negros na fila cumpriram o determinado, Rosa recusou-se e foi presa por desobedecer à ordem do motorista, pois embora a legislação municipal não determinasse explicitamente a segregação, dava poderes discricionários ao motorista para determinar os lugares dentro do veículo. Declarada culpada em 5 de dezembro, Parks foi multada em US$10,00, mais as custas judiciais de US$4,00, punição da qual ela recorreu. O boicote foi desencadeado pela prisão de Rosa. Como consequência, Rosa Parks é considerada uma pioneira do Movimento dos Direitos Civis nos Estados Unidos. 
NASCIMENTO: 4 de fevereiro de 1913 - Tuskegee, EUA. 
MORTE: 24 de outubro de 2005 - Detroit, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Causas naturais. 
OBS: Acometida de doenças mentais e saúde muito debilitada, seus últimos dias foram sofridos mas ela sempre lembrava em boa estima os feitos de sua vida. Rosa faleceu em seu apartamento, em Detroit, a 24 de outubro de 2005, de causas naturais. Seu caixão foi velado com honras da Guarda Nacional do estado de Michigan. Autoridades e antigas lideranças dos movimentos civis compareceram ao seu funeral.

MORTE DE WANGARI MAATHAI


NOME: Wangari Muta Maathai (71 anos) 
QUEM FOI: Professora e ativista política do meio-ambiente do Quênia. Foi a primeira mulher africana a receber o Prêmio Nobel da Paz, por sua contribuição para o desenvolvimento sustentável, a democracia e a paz. Ficou conhecida no mundo pela sua luta de conservação das florestas e do meio ambiente. Ainda na década de 1970, ela fundou o movimento do Cinturão Verde Pan-africano, no Quênia, uma iniciativa que plantou 30 milhões de árvores. Foi eleita membro do Parlamento queniano e era ministra dos recursos ambientais e naturais no governo do Presidente Mwai Kibaki de 2003-2005. 
NASCIMENTO: 1º de abril de 1940 - Distrito de Nyeri, Quênia. 
MORTE: 25 de Setembro de 2011 - Nairóbi, Quênia. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de ovário. 
OBS: Nos últimos anos, ela cooperava com a ONU em um projeto que visava plantar 1 bilhão de árvores.

MORTE DE FIDEL CASTRO


NOME: Fidel Alejandro Castro Ruz (90 anos) 
QUEM FOI: Político e revolucionário cubano que governou a República de Cuba como primeiro-ministro de 1959 a 1976 e depois como presidente de 1976 a 2008. Politicamente, era nacionalista e marxista-leninista. Ele também serviu como primeiro-secretário do Partido Comunista de Cuba de 1961 até 2011. Sob sua administração, Cuba tornou-se um Estado socialista autoritário unipartidário; a indústria e os negócios foram nacionalizados e reformas socialistas foram implementadas em toda a sociedade. 
NASCIMENTO: 13 de agosto de 1926 - Birán, Cuba. 
MORTE: 25 de novembro de 2016 - Havana, Cuba. 
CAUSA DA MORTE: Complicações de grave doença intestinal. 
OBS: As últimas imagens de Fidel Castro são do dia 15 de novembro de 2016, quando recebeu em sua residência o presidente do Vietnã, Tran Dai Quang. Antes, ele foi visto em um ato público foi no dia 13 de agosto, na comemoração de seu 90º aniversário. A festa reuniu mais de 100 mil pessoas. Na época, Fidel apresentou um semblante frágil, vestido com um moletom branco e acompanhado pelo seu irmão Raúl e o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro. Fidel se afastou do poder em julho de 2006, depois que uma doença intestinal o obrigou a ceder o comando de Cuba a Raúl. Detalhes sobre sua saúde nunca foram revelados.

MORTE DE OSKAR SCHINDLER


NOME: Oskar Schindler (66 anos) 
QUEM FOI: Industrial alemão. Católico, de origem étnica alemã, durante a Segunda Guerra Mundial Schindler resgatou quase 1.200 judeus da deportação para a morte em Auschwitz. Em 1936, ele começou a trabalhar no Escritório Alemão de Inteligência Militar Estrangeira, e em fevereiro de 1939, se juntou ao Partido Nazista. Um negociante oportunista, com gosto pelas coisas boas da vida, Schindler não pareceria ser alguém que viria a tornar-se um salvador de tantas vidas na época da Guerra. Após a invasão alemã à Polônia, ele mudou-se para a cidade de Cracóvia. Aproveitando o programa alemão para "arianizar" as empresas na Polônia ocupada, em novembro de 1939 ele comprou de judeus destituídos uma fábrica de utensílios esmaltados e a reinaugurou com o nome de Emalia. Embora Schindler operasse outras duas fábricas, apenas em Emalia ele empregou escravos judeus, trazidos de um gueto vizinho àquela cidade. Durante o fechamento do gueto, em março de 1943, Schindler permitiu que seus trabalhadores judeus permanecessem em relativa segurança na fábrica durante a noite. No seu auge, em 1944, Emalia tinha 1.700 operários, dos quais pelo menos 1.000 eram escravos judeus, que terminaram por serem enviados para o campo de concentração de Plaszow. 
NASCIMENTO: 28 de abril de 1908 - Svitavy, Morávia. 
MORTE: 9 de outubro de 1974 - Hildesheim, Alemanha Ocidental. 
CAUSA DA MORTE: Acidente vascular cerebral - AVC. 
OBS: Em 1949, Schindler e sua esposa emigraram para a Argentina. Em 1962, o memorial Israelense do Holocausto, Yad Vashem, concedeu a Schindler o título de "Justo entre as Nações" pelos seus esforços de resgate na época de Guerra. Em outubro de 1974, ele faleceu na Alemanha, pobre e quase desconhecido. Sua história chamou grande atenção graças ao popular filme de Steven Spielberg, em 1993, "A Lista de Schindler". No total, durante o Holocausto, ele facilitou a sobrevivência de cerca de 800 judeus e entre 300 a 400 judias.

MORTE DE DIONÍSIO AZEVEDO


NOME: Taufik Jacob (72 anos) 
QUEM FOI: Ator e diretor brasileiro (Dionísio Azevedo era seu nome artístico). Começou no rádio em 1941 na Rádio Record e em 1950 chegou ao teatro. Logo depois foi para a TV e para o cinema. No teatro seu maior sucesso foi A Morte do Caixeiro Viajante em 1962. No cinema, dirigiu em 1958 a primeira versão de Chão Bruto e como ator participou de grandes produções como O Sobrado (1956), O Pagador de Promessas (1962), Independência ou Morte (1972) — do qual também colaborou no roteiro —, Lampião, O Rei do Cangaço (1964), O Santo Milagroso (1966), O Caçador de Esmeraldas (1979), A Marvada Carne (1985) e a comédia Sedução (1974), de Fauzi Mansur. Na televisão, dirigiu e atuou em várias telenovelas, como A Pequena Órfã (1968); As Pupilas do Senhor Reitor (1970); Meu Pedacinho de Chão (1971); O Astro (1977); Pai Herói (1979); O Meu Pé de Laranja Lima (1980); Os Imigrantes (1981), na TV Bandeirantes e Pão Pão, Beijo Beijo (1983), entre outras. 
NASCIMENTO: 4 de abril de 1922 - Conceição da Aparecida, MG, Brasil. 
MORTE: 11 de dezembro de 1994 - Conceição da Aparecida, MG, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de pulmão. 
OBS: Afastado desde a morte de sua mulher, a atriz Flora Geni, Azevedo morreu de câncer no pulmão no Hospital Beneficência Portuguesa, onde estava internado desde o início do mês. Foi enterrado ontem no Cemitério do Morumbi.

MORTE DE LISA MASTERS


NOME: Lisa Lynn Masters (52 anos) 
QUEM FOI: Atriz norte-americana, conhecida pelos seus papéis nas séries Law & Order: Special Victims Unit,Ugly Betty e Unbreakable Kimmy Schmidt. 
NASCIMENTO: 1964 - Omaha, Estados Unidos. 
MORTE: 15 de novembro de 2016 - Lima, Peru. 
CAUSA DA MORTE: Suicídio (enforcada). 
OBS: Lisa foi encontrada enforcada em uma barra do guarda-roupas de seu quarto no hotel Nuevo Mundo, no sofisticado distrito de San Isidro, na capital peruana. Peritos encontraram no quarto vários frascos com soníferos, assim como dois bilhetes nos quais a atriz teria explicado as razões para seu ato.

MORTE DE LEONARD COHEN


NOME: Leonard Norman Cohen (82 anos) 
QUEM FOI: Cantor, compositor, poeta e escritor canadense. Mais conhecido como autor de "Hallelujah", uma das músicas mais regravadas da história, Cohen influenciou uma imensa geração de cantores-compositores. Tinha quatro livros publicados e uma carreira reconhecida como poeta. Cohen saiu da cena artística nos anos 1990. Chegou a ficar recluso em um monastério budista, em 1996. Voltou à música por precisar de dinheiro, depois de descobrir que seu agente, Kelley Lynch, havia ficado com parte de sua poupança. 
NASCIMENTO: 21 de setembro de 1934 — Montreal, Canadá. 
MORTE: 7 de novembro de 2016 - Los Angeles, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Câncer não especificado. 
OBS: No fim da Vida, sentia fortes dores na coluna por conta da doença. Chegou a usar uma cadeira adaptada para manter sua coluna em uma posição confortável. Além da discografia, Leonard Cohen deixa dois filhos, Adam e Lorca, 13 volumes de poesia e dois romances.

MORTE DE ZOLTÁN KOCSIS


NOME: Zoltán Kocsis (64 anos) 
QUEM FOI: Pianista, maestro, e compositor húngaro. começou a tocar piano aos três anos de idade e mais tarde foi estudar na Escola Superior de Artes Musicais. Ganhou vários prêmios ao longo da vida – o primeiro e um dos mais importantes aos 21 anos –, e em 1983 fundou, com o também internacionalmente reconhecido diretor de orquestra Iván Fischer, a Budapest Festival Orchestra. Em julho de 2015, a Budapest Festival Orchestra esteve no Brasil para uma apresentação no Theatro Municipal do Rio de Janeiro. 
NASCIMENTO: 30 de maio de 1952 - Budapeste, Hungria. 
MORTE: 6 de novembro de 2016 - Budapeste, Hungria. 
CAUSA DA MORTE: Problemas cardíacos. 
OBS: Zoltán Kocsis atuou por décadas nos maiores festivais de música do mundo, como os de Salzburgo, Praga e Paris.

MORTE DE ANILZA LEONI


NOME: Anilza Pinho de Carvalho (75 anos) 
QUEM FOI: Atriz, cantora, bailarina e pintora brasileira. Nascida em Santa Catarina, mudou-se com a mãe e os irmãos para o Rio de Janeiro, após a morte do pai, no fim dos anos 1940. Estudou no Colégio Rui Barbosa, como aluna interna, até que a mãe adoeceu e Anilza deixou os estudos para trabalhar, aos 15 anos, como datilógrafa e secretária. Aos 18 anos, foi convidada a trabalhar num espetáculo de variedades, produzido por Renata Fronzi. Adotou, então, o nome artístico de Anilza Leoni, em homenagem ao jogador de futebol Leônidas da Silva. Nos anos 1950, foi uma das maiores vedetes do teatro de revista - o chamado "teatro rebolado" -, participando de espetáculos produzidos por Carlos Machado e Walter Pinto. Anilza figurou por três vezes na lista das "certinhas do Lalau" - uma lista das mulheres mais bonitas do Brasil, elaborada anualmente pelo jornalista Sérgio Porto, nas décadas de 1950 e 1960. Atuou também no cinema, participando de chanchadas produzidas por Herbert Richers, ao lado de Ankito, Grande Otelo e Wilson Grey. Em 1961, estreou na extinta TV Tupi do Rio de Janeiro, participando da primeira adaptação televisiva do romance Gabriela, cravo e canela. Também trabalhou em programas humorísticos e musicais - Noites Cariocas e Espetáculos Tonelux (1964). Na TV Globo, participou de várias novelas, com destaque para A Gata Comeu. 
NASCIMENTO: 10 de outubro de 1933 - Laguna, SC, Brasil. 
MORTE: 6 de agosto de 2009 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Enfisema pulmonar. 
OBS: Nos seus últimos dias de vida, a atriz se preparava para estrear o espetáculo Mario Quintana - O Poeta das Coisas Simples, em São Paulo, ao lado de Tamara Taxman, Monique Lafond, Selma Lopes e Sergio Miguel Braga. Faleceu aos 75 anos, em razão de um enfisema pulmonar, depois de ficar hospitalizada durante uma semana. Deixou uma filha, Angélica Virgínia (seu outro filho, Claubel, faleceu nos anos 1990), e uma neta, que vivem nos Estados Unidos.

MORTE DE KIRK ALYN


NOME: John Feggo, Jr. (88 anos) 
QUEM FOI: Ator norte-americano, mais conhecido por ter interpretado o personagem Superman nas telas, no seriado de 1948 Superman, e na sequência, em 1950, Superman vs Homem-atômico. Teve participação em mais de 60 filmes, entre seriados, longa-metragens e filmes feitos para televisão. Alyn começou sua carreira como um menino de coro na Broadway, nos anos 1930. Trabalhou, também, como cantor e dançarino em vaudeville antes de se mudar para Hollywood, nos anos 1940 para atuar em filmes. Fez inicialmente apenas pequenos papeis em filmes de baixo orçamento, até fazer o papel de Superman em 1948. Quando foi para Hollywood, Alyn conheceu a atriz e dançarina Virginia O'Brien, com quem casou em 1942, tendo um filho e duas filhas. O casal se divorciou em 1955. 
NASCIMENTO: 8 de outubro de 1910 - Nova Jersey, EUA.
MORTE: 14 de março de 1999 - Texas, EUA.
CAUSA DA MORTE: Complicações do mal de Alzheimer. 
OBS: Alyn morreu em casa. Foi socorrido pelos três filhos que tevecom O’Brien: Terri O’Brien, Elizabeth Watkins e John Feggo, além de vários netos. Seu corpo foi cremado e suas cinzas espalhadas pela costa da Califórnia.

MORTE DE CARLOS ALBERTO TORRES


NOME: Carlos Alberto Torres (72 anos) 
QUEM FOI: Ex-treinador e ex-futebolista brasileiro, que atuava como lateral-direito. Um dos maiores jogadores da história em sua posição, ele foi o capitão da Seleção Brasileira que ganhou a Copa do Mundo FIFA de 1970, no México, ficando conhecido como o Capitão do Tri. No que diz respeito aos clubes, Carlos Alberto jogou por Fluminense, Botafogo, Flamengo, California Surf, Santos e New York Cosmos. Ele foi o companheiro de Pelé nos últimos dois clubes. Em seu primeiro ano como treinador, já se consagrou Campeão Brasileiro pelo Flamengo. 
NASCIMENTO: 17 de julho de 1944 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 25 de outubro de 2016 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Infarto fulminante. 
OBS: Carlos Alberto Torres fez sua última aparição no SPORTV apenas dois dias antes de sua morte, quando participou do programa "Troca de Passes". Ele estava em sua casa quando sofreu o infarto.

MORTE DE BHUMIBOL ADULYADEJ


NOME: Bhumibol Adulyadej (88 anos) 
QUEM FOI: Rei da Tailândia durante 70 anos desde sua ascensão ao trono em 1946 até sua morte. Seu reinado era considerado o mais longo do mundo. Bhumibol só foi coroado em 5 de maio de 1950, uma semana depois de se casar com a rainha Sirikit, que era sua prima de segundo grau, segundo uma biografia oficial. Ele é o único rei que a maioria dos tailandeses conheceu, que o têm como um semideus, símbolo unidade e guia da nação. Bhumibol Adulyadej, era alegadamente, um dos monarcas mais ricos do mundo, com um patrimônio pessoal estimado em 35 bilhões de dólares.[2] Imensamente popular na Tailândia e reverenciado como um semi-deus pelo povo, em parte devido à crença budista[3], o rei utilizou parte de sua fortuna para financiar cerca de 3 mil projetos de desenvolvimento, em especial nas áreas rurais do país. Sua última aparição pública foi em 11 de janeiro para fazer uma breve visita ao palácio Chitralada da capital. NASCIMENTO: 5 de dezembro de 1927 - Cambridge, EUA. 
MORTE: 13 de outubro de 2016 - Bangkok, Tailândia. 
CAUSA DA MORTE: Complicações após procedimento de drenagem cerebral. 
OBS: Bhumibol morreu após ser submetido a um procedimento para drenar líquido em seu cérebro, o que lhe causou uma forte queda de pressão. "A equipe médica fez todo o possível, mas seu estado de saúde piorou", segundo comunicado da Casa Real , acrescentando que o rei morreu em paz.

MORTE DE WALESKA


NOME: Maria da Paz Gomes (75 anos) 
QUEM FOI: Cantora e compositora brasileira. Ganhou o apelido de "Rainha da fossa", dado pelo então poeta Vinicius de Moraes (1913–1980). Em 1960 ela lançou seu primeiro disco pela Vogue Discos. Em 1966, Waleska fundou o Pub bar (Pontifícia Universidade dos Boêmios), no bairro do Leme. Celebrizada no circuito de boates, com público cativo na década de 1970, criou a Boate Fossa, em Copacabana. O local ficou conhecido pelos seus frequentadores ilustres, como o ex-presidente Juscelino Kubitschek e o jornalista Carlos Lacerda. Na década de 1980 e 1990, fez várias turnês, passando pela Itália, Portugal e pelos Estados Unidos. Waleska era admirada também pelo jornalista e compositor Sérgio Bittencourt, um dos grandes divulgadores de seu trabalho, além de ser muito amiga da cantora Maysa, grande referência musical para ela. 
NASCIMENTO: 29 de setembro de 1941 - Afonso Cláudio, ES, Brasil. 
MORTE: 14 de outubro de 2016 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de pâncreas. 
OBS: Waleska sofria de câncer no pâncreas havia três anos e estava internada na Clínica São Carlos, no Humaitá, Zona Sul do Rio, onde faleceu deixando dois filhos.

MORTE DE ORIVAL PESSINI (PATROPI)


NOME: Orival Pessini (72 anos) 
QUEM FOI: Comunicador, ator, compositor, cantor, comediante e humorista brasileiro conhecido por seus personagens Sócrates, Charles, Fofão, Patropi, Juvenal, Ranulpho Pereira, Hitler, Clô (baseado em Clodovil), Frank (em homenagem ao cantor Frank Sinatra) e outros em programas e comerciais para a TV, e também por utilizar máscaras de látex (feitas por ele próprio) na composição das suas personagens. Pessini iniciou sua carreira no teatro amador e posteriormente começou a aparecer em comerciais famosos. Sua estreia na TV foi no infantil “Quem Conta Um Conto” na TV Tupi em 1963. Na década de 70 interpretou os macacos Sócrates e Charles, do Planeta dos Homens (Globo). Em 1988 estreia a personagem Patropi, no programa “Praça Brasil" Rede Bandeirantes, sendo convidado pra atuar em outros programas como Escolinha do Professor Raimundo (Globo) e A Praça é Nossa (SBT). Foi no programa Balão Mágico (Globo) que Orival criou os bonecos Fofão e Fofinho. Fofão fez tanto sucesso que, com o fim do programa global, ganhou seu programa diário TV Fofão (Bandeirantes), no qual apresentava quadros humorísticos e desenhos animados. Em 2014, Orival atuou sem máscara na série global Amores Roubados como o padre José. 
NASCIMENTO: 6 de agosto de 1944 - Marília, SP, Brasil. 
MORTE: 14 de outubro de 2016 -São Paulo, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de baço. 
OBS: Oessini foi internado no Hospital São Luiz, em São Paulo, para fazer tratamento contra um câncer no baço e veio a falecer.

MORTE DE UMBERTO BOCCIONI


NOME: Umberto Boccioni (33 anos) 
QUEM FOI: Pintor e escultor italiano, do movimento futurista. É talvez o mais célebre futurista italiano. Em 1901 transferiu-se para Roma, juntamente com sua família. Realizou atividades de ilustrador e produtor de cartazes. Com cerca de vinte anos, conhece Gino Severini, com quem frequentou a Porta Pinciana, o estúdio do pintor divisionista Giacomo Balla. em 1910, fez sua primeira exposição individual na cidade de Veneza. Em 1912, participou da primeira mostra de arte futurista, realizada em várias cidades da Europa. Entrou para o exército em 1915. 
NASCIMENTO: 19 de outubro de 1882 - Reggio di Calabria, Itália. 
MORTE: 17 de agosto de 1916 - Verona, Itália. 
CAUSA DA MORTE: Traumatismo craniado devido a queda de cavalo. 
OBS: Em 17 de agosto de 1916, durante exercícios militares em Chievo, frazione de Verona, seu cavalo se assusta diante de um caminhão. Boccioni é derrubado e tem o crânio fraturado. Morreu nesse mesmo dia.

MORTE DE GEORGE C. SCOTT


NOME: George Campbell Scott (71 anos) 
QUEM FOI: Ator de cinema, teatro e televisão americano, além de cineasta e produtor. Aos oito anos perdeu a mãe e o pai. Em 1945 entrou na Marinha, onde permaneceu durante quatro anos. Quando deixou a Marinha, matriculou-se na classe de jornalismo na Universidade de Missouri. Nos anos 50 começou no teatro, com um papel na peça Richard III, em Nova Iorque. O jovem ator chamou a atenção dos críticos. Logo ele começou a trabalhar na televisão, principalmente em transmissões ao vivo, e em 1959 fez parte do filme Anatomia de um Crime, seu primeiro papel a valer uma indicação ao Oscar, na categoria de ator coadjuvante. Porém, George e o Oscar não se tornariam amigos. Ele dizia que o processo inteiro da Academia era forçar os atores para se tornarem verdadeiras estrelas e que a cerimônia era um "mercado de carne". Em 1962 ele foi indicado novamente como ator coadjuvante. Apesar da sua opinião sobre o prêmio, seria indicado várias outras vezes. Foi assim em The List of Adrian Messenger, (1963). Em 1964, ao filmar A Bíblia, se apaixonou por Ava Gardner, mas não foi correspondido devido principalmente a seu hábito de beber demais tornando-se violento e então passou então a beber cada vez mais. Fez vários filmes menores para a televisão antes de obter o papel pelo qual sempre será identificado: o General Patton em Patton, de 1970. Era um filme de guerra que veio ao término de uma década onde protestos de anti-guerra tinham abalado os Estados Unidos da América, e se tornou símbolo de uma juventude descontente. O filme ganhou o Oscar do ano, e Scott também venceu como o melhor ator. No dia da premiação, ficou em casa assistindo a um jogo de hóquei, se recusando a ir recebê-lo. 
NASCIMENTO: 18 de outubro de 1927 - Virginia, EUA. 
MORTE: 22 de setembro de 1999 - Califórnia, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Aneurisma abdominal. 
OBS: Scott foi sepultado no Westwood Village Memorial Park Cemetery.

MORTE DE ARNOLD PALMER


NOME: Arnold Daniel Palmer (87 anos) 
QUEM FOI: Jogador de golfe norte-americano. Era considerado como um dos maiores jogadores da história do golfe profissional masculino. Palmer ganhou inúmeros títulos, tanto no PGA Tour como no Champions Tour. Apelidado de "The King", ele é uma das estrelas mais populares do golfe. Ele é parte do "The Big Three" de golfe junto com Jack Nicklaus e Gary Player, que são amplamente creditados como pioneiros na popularização e comercialização desse esporte ao redor do mundo. 
NASCIMENTO: 10 de setembro de 1929 - Pensilvânia, EUA. 
MORTE: 25 de setembro de 2016 - Estados |Unidos.
CAUSA DA MORTE: Complicações cardíacas. 
OBS: Arnold era amigo do presidente Dwight Eisenhower e também jogou com os presidentes Richard Nixon, George Bush e George W. Bush.

MORTE DE MERCEDES SOSA


NOME: Mercedes Sosa (74 anos) 
QUEM FOI: Cantora argentina. uma das mais famosas na América Latina. A sua música tem raízes na música folclórica argentina. Ela se tornou uma das expoentes do movimento conhecido como Nueva canción. Apelidada de La Negra pelos fãs, devido à ascendência ameríndia (no exterior acreditava-se erroneamente que era devido a seus longos cabelos negros), ficou conhecida como a voz dos "sem voz". Sosa era Embaixadora da Boa Vontade da UNESCO para a América Latina e o Caribe. Em 2000, ela ganhou o Grammy Latino de melhor álbum de música folclórica por Misa Criolla, feito que repetiria em 2003 com Acústico e em 2006 com Corazón Libre. Sua interpretação de "Balderrama", de Horacio Guarany, fez parte da trilha-sonora do filme de 2008 Che, sobre o lendário guerrilheiro argentino Che Guevara. Seu último álbum, Cantora, encontra-se indicado a três prêmios Grammy Latino. 
NASCIMENTO: 9 de julho de 1935 - San Miguel de Tucumán, Argentina. 
MORTE: 4 de outubro de 2009 - Buenos Aires, Argentina. 
CAUSA DA MORTE: Complicações renais, hepáticas e pulmonares. 
OBS: Sosa morreu às 5h15min (horário local), em Buenos Aires. Ela foi internada no dia 18 de setembro na Clínica de la Trinidad, no bairro de Palermo, por causa de um problema renal. Seu quadro piorou a partir do momento em que teve complicações hepáticas e pulmonares. Em seus últimos dias, foi mantida sedada, respirando com a ajuda de aparelhos. Seu corpo foi velado no Congresso Nacional, em Buenos Aires, e cremado no cemitério da Chacarita no dia 5 de outubro de 2009. Uma parte de suas cinzas foi espalhada em sua província natal. A outra foi colocada em Mendoza, província pela qual havia declarado sentir um grande amor. O restante permaneceu na capital argentina, cidade onde morava há décadas.

MORTE DE BILL NUNN


NOME: William Goldwyn Nunn III (63 anos) 
QUEM FOI: Ator norte-americano. Bill estreou em longas-metragens em um filme de Spike Lee, "Lute pela coisa certa", de 1988. No ano seguinte, viveu Raheem, que morre em um conflito com a polícia durante uma briga de rua no Brooklyn, em um dos filmes mais aclamados do cineasta. Nos filmes do Homem-Aranha, foi um editor de alto escalão do jornal fictício "Clarim Diário", onde Peter Parker trabalha como fotógrafo freelancer. Nunn atuou ainda em filmes como "Mudança de hábito" (1992), "Máquina quase mortífera" (1993) e "O quarto poder" (1997). Seu último trabalho foi na série de TV "Sirens". 
NASCIMENTO: 20 de outubro de 1952 - Pennsylvania , EUA. 
MORTE: 24 de setembro de 2016 - Pennsylvania , EUA. 
CAUSA DA MORTE: Leucemia. 
OBS: Bill morreu em sua casa em Pittsburghx, na Pensilvânia (EUA), e lutava contra um câncer.

MORTE DE SHIMON PERES


NOME: Szymon Perski (93 anos) 
QUEM FOI: Primeiro-ministro de Israel entre 2007 e 2014. Ex-membro do Partido Trabalhista. Recebeu o Nobel da Paz de 1994, pelos chamados Acordos de Paz de Oslo, junto com Yitzhak Rabin e Yasser Arafat. Conhecido por defender um Oriente Médio no qual Israel possa conviver em paz com os vizinhos árabes e palestinos, e firme apoiador de uma cooperação econômica para chegar a tal fim, ocupou as pastas ministeriais mais importantes do governo israelense. Peres também é reconhecido por ter sido defensor do programa nuclear israelense e de sua indústria aeronáutica, um dos principais fatores para vencer os países árabes em pelo menos cinco guerras. 
NASCIMENTO: 2 de agosto de 1923 - Wiszniew, Polônia. 
MORTE: 28 de setembro de 2016 -Ramat Gan, Israel. 
CAUSA DA MORTE: Complicações de um AVC.  
OBS: O líder israelense estava sedado e sob respiração assistida na unidade de tratamento intensivo do hospital Tel-Hashomer de Ramat Gan, na região de Tel Aviv, onde morreu.

MORTE DE CARMEN SILVA


NOME: Carmen Sebastiana Silva de Jesus (71 anos) 
QUEM FOI: Cantora e compositora brasileira, também conhecida carinhosamente pelos fãs como "A Pérola Negra". ficou conhecida pelo hit "Adeus solidão" de 1969. Este foi seu primeiro e maior sucesso, mas ela também teve mais canções populares nos anos 70 e 80, como "Meu velho pai", "Fofurinha", "Ser sua namorada" e "Sapequinha", "Espinho na cama", entre outras. A partir de 2001, Carmen Silva três álbuns evangélicos pelo selo Graça Music. O úlitmo foi "Minhas canções na voz de Carmen SIlva", de 2008. 
NASCIMENTO: 22 de março de 1945 - Veríssimo, MG, Brasil. 
MORTE: 26 de setembro de 2016 - São Paulo, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Parada cardíaca devida a trombose venosa profunda.
OBS: Carmen teve insuficiência cardíaca por conta de uma embolia pulmonar e estava internada desde o dia 14 de setembro.


TROMBOSE VENOSA PROFUNDA (TVP), é a formação de um coágulo sanguíneo ("trombo") em uma veia profunda. Geralmente afeta as veias dos membros inferiores, como a veia femoral e a veia poplítea ou veias profundas da pelve. Quando afeta as veias dos braços (veia axilar ou veia subclávia) é chamada de doença de Paget-Schroetter.

MORTE DE MÃE ONDINA


NOME: Ondina Valéria Pimentel (59 anos) 
QUEM FOI: Foi a quarta Ialorixá do famoso terreiro de Candomblé Ilê Axé Opô Afonjá em Salvador, Bahia, no período de 1969 a 1975. Ondina Valéria era também chamada de Mãe Ondina ou Mãezinha, Iwin Tona. Nasceu no mar, a bordo de um navio da Companhia de Navegação Bahiana. Descendente dos fundadores do Terreiro do Mokambo e do Terreiro Tuntum Olukotun, ambos do culto aos egunguns, na ilha de Itaparica. Foi iniciada por Eugênia Anna Santos, Mãe Aninha, Ọbá Biyi em 1921, na casa de seu pai José Theodoro Pimentel, em Itaparica, Balé Xangô do Ilê Axé Opô Afonjá, sucessor de Rodolfo Martins de Andrade ou Bangboshê Obitikô. Em 1937, aos 21 anos de idade, foi indicada por Mãe Aninha a primeira Iyákékeré do Ilê Axé Opô Afonjá, em Salvador. Durante a administração de Mãezinha, os membros do Conselho Religioso do Ilê Axé Opô Afonjá eram: Iya Kékeré - Oxum Funmisé; Dagan - Iji Lonã; Osi Dagan - Oxum Tololá; Iya Amoro - Iji Tolú; Omo Ewe - Ogum Eyhindá; Kolabá - Odé Kayodé; Asobá - Didi; Ajimuda - Oxum Dele; Asogum - Afikode. 
NASCIMENTO: 8 de fevereiro de 1916 - Salvador, BA, Brasil. 
MORTE: 19 de março de 1975 - Salvador, BA, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Colapso cardíaco. 
OBS: Segundo Mestre Didi, sofria do coração há muito tempo. Depois de um dia muito agitado, sentiu-se mal e foi levada as pressas ao pronto socorro. Faleceu na madrugada do dia 19 de março de 1975, resultado de um colapso cardíaco. Depois de tomadas todas as providências no Afonjá, seu corpo seguiu para a Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, no Centro Histórico de Salvador, no Largo do Pelourinho, ficando exposto até a hora do sepultamento, como aconteceu com Mãe Aninha e também com Mãe Senhora.

MORTE DE OSCAR PETERSON


NOME: Oscar Emmanuel Peterson (82 anos) 
QUEM FOI: Pianista de jazz canadense. Oscar Peterson é considerado por muitos críticos como um dos maiores pianistas de jazz de todos os tempos. Começou a estudar trompete e piano com seu pai aos cinco anos de idade. Após uma tuberculose dedicou-se ao piano. Em 1944 participou da Johnny Holmes Orchestra, onde ele aprendeu composição e arranjo. Três anos mais tarde montou seu primeiro trio com Bert Brown e Frank Gariepy, com o qual se apresentava em concertos semanais na Alberta Lounge, onde Norman Granz o descobriu e o levou a tocar no Carnegie Hall. Oscar recebeu sete Grammy entre 1974 e 1991 e entrou para o Canadian Music Hall of Fame em 1978. Recebeu ainda o Roy Thomson Award (1987), a Toronto Arts Award for lifetime achievement (1991), o Governor General's Performing Arts Award (1992), o Glenn Gould Prize (1993), o prêmio da International Society for Performing Artists (1995), a medalha Loyola Medal of Concordia University (1997), o prêmio Imperiale World Art Award (1999), o prêmio de música da UNESCO (2000), e o Toronto Musicians' Association Musician of the Year Award (2001). 
NASCIMENTO: 15 de agosto de 1925 - Montreal, Canadá. 
MORTE: 23 de dezembro de 2007 - Ontário, Canadá. 
CAUSA DA MORTE: Insuficiência renal
OBS: Em 1999, a Universidade Concórdia de Montreal renomeou seu campus para Oscar Peterson Concert Hall em sua honra. Está sepultado em Saint Peter's Anglican Church Cemetery, Mississauga, Ontário no Canadá.

MORTE DE CURTIS HANSON


NOME: Curtis Hanson (71 anos) 
QUEM FOI: Cineasta norte-americano. A filmografia de Hanson inclui "A mão que balança o berço" (1992), "Garotos incríveis" (2000) e "8 mile: rua das ilusões" (2002), mas seu auge criativo foi "Los Angeles" (1997), uma adaptação do célebre romance do escritor James Ellroy que rendia um brilhante homenagem aos códigos e arquétipos do clássico cinema noir. Com Kim Basinger como "femme fatale", ao lado de Russell Crowe, Kevin Spacey e Danny DeVito, "Los Angeles: cidade proibida" recebeu nove indicações ao Oscar e levou duas estatuetas: a de melhor atriz coadjuvante para Basinger e a de melhor roteiro adaptado para Hanson e Brian Helgeland. 
NASCIMENTO: 24 de março de 1945 - Reno, Nevada, EUA. 
MORTE: 20 de setembro de 2016 -Los Angeles, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Causas naturais. 
OBS: Curtis faleceu em sua casa, em Hollywood Hills, em Los Angeles, nos Estados Unidos, e a causa-mortis foi informada pelas autoridades locais.

MORTE DE LUCRÉCIO


NOME: Titus Lucretius Carus (44 anos) 
QUEM FOI: Filósofo e poeta latino que viveu no século I a.C. É provável que tenha nascido em Roma, onde foi educado. Sua fama decorre do poema De rerum natura (Sobre a natureza das coisas), onde expõe a filosofia de Epicuro de Samos. Para Lucrécio, o epicurismo era a chave que poderia desvendar os segredos do universo e garantir a felicidade humana. Tão entusiasmado ficou que se propôs a tarefa de libertar os romanos do domínio religioso através do conhecimento da filosofia epicurista. O autor simbolista francês Marcel Schwob escreveu uma biografia ficcional sobre Lucrécio baseado nas poucas linhas registradas por Jerônimo. 
NASCIMENTO: c. 99 a.C. - Roma? MORTE: c. 55 a.C. 
CAUSA DA MORTE: Suposto suicídio (não especificado). 
OBS: Segundo o autor patrístico Jerônimo, Lucrécio matou-se aos 44 anos de idade e seu poema foi escrito em intervalos de ataques de loucura. A bem da verdade, as "circunstâncias da vida e da morte de Lucrécio são desconhecidas. A habitual informação de que ele se suicidou em razão de crises de loucura, acrescidas de perturbações amorosas, não é plenamente confiável. Só há um registro nesse sentido, transmitido por São Jerônimo, que, em seu tempo, foi um grande opositor de Epicuro e do epicurismo”

MORTE DE JON POLITO


NOME: Jon Polito (65 anos) 
QUEM FOI: Ator Norte-americano. Ganhou fama por seus pequenos, mas memoráveis, papéis para diversos filmes dos irmãos Coen e, com frequência, ao longo de sua carreira deu vida a personagens mafiosos com um toque extravagante e humorístico. Seu nome aparece em filmes dos Coen como "Ajuste Final" (1990), "Barton Fink: Delírios de Hollywood" (1991), "O Grande Lebowski" (1998) e "O homem que não estava lá" (2001). No ano passado, participou de pelo menos três séries e para o ano que vem está previsto chegar às telonas "The Maestro", ainda sem título em português. Polito, que começou sua carreira profissional na Broadway, atuou também com Clint Eastwood em "A Conquista da Honra" (2006) e com Tim Burton em "Grandes Olhos" (2014).
NASCIMENTO: 29 de dezembro de 1950 - Filadélfia, EUA.
MORTE: 1º de setembro de 2016 - Califórnia.
CAUSA DA MORTE: Câncer de pele (melanona).
OBS: Jon Polito, que vivia desde 2008 com o diagnóstico de um melanoma, entrou em coma num domingo e na quinta-feira próxima, as máquinas de suporte à vida foram desligadas.

MORTE DE MÁRIO BENVENUTTI


NOME: Mário Benvenutti (67 anos) 
QUEM FOI: Ator diretor e roteirista brasileiro de cinema. Foi um dos atores preferidos do diretor Walter Hugo Khouri com quem fez cinco filmes: A Ilha; Noite Vazia; O Corpo Ardente; As Cariocas e As Deusas. Na televisão participou de algumas novelas, seriados e teleteatros. 
NASCIMENTO: 1926 - São Paulo, Brasil. 
MORTE: 13 de novembro de 1993 - São Paulo, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Acidente de carro. 
OBS: Sua última novela foi Pão Pão, Beijo Beijo como Guido, o patriarca da família de italianos.

MORTE DE XANDÓ BATISTA


NOME: Xandó Batista (72 anos) 
QUEM FOI: Ator e dublador brasileiro. Seu trabalho artístico começou em cinema, em 1951, quando participou do filme Ângela. No mesmo ano fez o filme Suzana e o Presidente. Seu papel de maior destaque na TV foi o "Seu Jesus" da novela A História de Ana Raio e Zé Trovão da extinta TV Manchete (reprisada entre 2010 e 2011 pelo SBT). Ao longo da sua carreira como ator de cinema Xandó Batista trabalhou ao lado de importantes nomes como Mazzaropi, Othon Bastos, e Jofre Soares. Atuou em sucessos do cinema nacional como: O Corintiano, O Homem do Pau Brasil, Tiradentes, O Mártir da Independência e O Predileto, entre vários outros filmes. Xandó Batista atuou em cerca de 36 filmes. No teatro fez: "Eles Não Usam Black-Tie", "Chapetuba Futebol Clube" e "Solness, o Construtor" e por O Predileto Xandó Batista ganhou o prêmio de melhor ator coadjuvante em 1977. Como dublador, suas principais atuações foram como Dr Bellows, na série "Jeannie É Um Gênio" e Abner, em "A Feiticeira". 
NASCIMENTO: 4 de julho de 1920 - São Paulo, Brasil. 
MORTE: 1º de outubro de 1992 - Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Acidente de carro. 
OBS: Xandó Batista foi casado duas vezes sendo que seu primeiro casamento foi com a atriz Léa Camargo e seu segundo casamento foi com a atriz Celeste, com quem teve dois filhos.

MORTE DE CHIQUINHO BRANDÃO


NOME: Francisco de Paula Brandão Bisneto (39 anos) 
QUEM FOI: Ator e músico brasileiro. Na adolescência, mudou-se para a cidade do Rio de Janeiro e por vários anos participou do programa infantil Bambalalão da TV Cultura de São Paulo onde fazia o papel do cientista louco chamado Professor Parapopó. Também manipulava e dublava os bonecos João Balão e Bambaleão, este último, no programa Bambaleão e Silvana. Em 1980, participou da turne "Saudades do Brasil", de Elis Regina, como flautista, e entre 1982 e 1984 participou do Grupo Ornitorrinco, período no qual trabalhou na montagem de "Mahagonny Songspiel". Também trabalhou em "O Amigo da Onça" em 1988. No cinema, trabalhou com vários diretores, entre eles os cineastas Walter Rogério, André Klotzel, Aloysio Raulino e Alain Fresnot. Ganhou o prêmio de melhor ator no Festival de Brasília em 1990, pelo filme "Beijo 2348/72" dirigido por Walter Rogério. Atuou em novelas como: "Bebê a Bordo" e "Top Model", nas minisséries "Riacho Doce" e "O Sorriso do Lagarto". 
NASCIMENTO: 20 de abril de 1952 - Jaú, SP, Brasil.
MORTE: 4 de junho de 1991 -Rio de Janeiro, Brasil.
CAUSA DA MORTE: Acidente de carro. 
OBS: Chiquinho sofreu um acidente automobilístico na Lagoa Rodrigo de Freitas ao retornar das gravações da minissérie "O Sorriso do Lagarto". Na trama ele era o personagem Chico Bagre e foi substituído por seu primo Stephan Nercessian. Em sua homenagem, o Teatro Casa da Gávea possui a "Sala Chiquinho Brandão".

MORTE DE MONS. GASPAR SADOC


NOME: Gaspar Sadoc (100 anos) 
QUEM FOI: Religioso brasileiro. Foi ordenado padre em 1941, iniciando a vida religiosa na paróquia da Liberdade, em Salvador. Da Liberade, ele foi para a igreja de São Judas Tadeu, no bairro da Baixa de Quintas, onde construiu o santuário de São Judas Tadeu e passou 18 anos. Segundo o Monsenhor, foi na igreja de São Judas Tadeu que ele aprendeu a conviver com as outras religiões. Gaspar Sadoc se aposentou na igreja da Vitória, no bairro da Graça, um dos mais tradicionais de Salvador. Ele era membro da Academia de Letras da Bahia. Após um problema na coluna, perdeu movimentos dos braços e das pernas, mas continuou comparecendo às celebrações. Aos 100 anos, recebeu benção apostólica enviada pelo Papa Francisco e foi publicado um livro com pensamentos do religioso. 
NASCIMENTO: 20 de março de 1916 - Santo Amaro da Purificação, BA, Brasil. 
MORTE: 22 de setembro de 2016 - Salvador-BA, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Parada cardiorrespiratória. 
OBS: Sadoc passou mal em sua casa, por volta das 21h. Médicos foram chamados mas não conseguiram reanimar o religioso, que morreu vítima de uma parada cardiorrespiratória.

EARL GRANT


NOME: Earl Grant (39 anos)  
QUEM FOI: Cantor, pianista e organista norte-americano, muito popular nos anos 1950 e 1960. Também tocou trumpete e tambores. Participou de quatro escolas de música, tornando-se professor. Enquanto serviu ao exército, ganhou dinheiro fazendo apresentações com sua banda militar. Uma de suas músicas mais famosas é "The End". 
NASCIMENTO: 20 de janeiro de 1931 - Oklahoma, EUA. 
MORTE: 10 de junho de 1970 - Novo México, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Acidente de carro. 
OBS: Earl Grant perdeu o controle do carro quando se dirigia para a cidade de Juarez (México). No acidente morreu também seu primo de 17 anos.

MORTE DE CHARMIAN CARR


NOME: Charmian Anne Farnon (73 anos) 
QUEM FOI: Atriz e cantora estadunidense, mais conhecida por seu papel de Liesl, a mais velha das crianças Von Trapp em A Noviça Rebelde/ Musica no Coração, onde atuou ao lado de Julie Andrews, Christopher Plummer, Nicholas Hammond, Heather Menzies, Duane Chase, Angela Cartwright, Debbie Turner e Kym Karath. Carr teve uma carreira curta no cinema, com apenas dois filmes. Após deixar a carreira de atriz, ela se tornou uma conceituada designer de interiores, tendo clientes famosos como Michael Jackson. Carr deixa dois filhos e quatro netos. 
NASCIMENTO: 27 de dezembro de 1942 - Chicago, Illinois, EUA. 
MORTE: 17 de setembro de 2016 - California, EUA. 
CAUSA DA MORTE: Demência (tipo raro). 
OBS: A causa da morte foi uma série de complicações vindas de uma doença (demência) que ela sofria há anos.

MORTE DE DANIEL VON BARGEN


NOME: Daniel von Bargen (64 anos) 
QUEM FOI: Ator norte americano de cinema, teatro e TV. Tteve mais de 30 anos de carreira como ator, participando de filmes como "Filadélfia", mas ele ficou mais conhecido por viver Mr. Kruger em quatro episódios da série "Seinfeld". Daniel também interpretou o comandante Edwin Spangler em 15 episódios de "Malcolm". No cinema, ele fez papéis de coadjuvante em "Instinto Selvagem", e "Amistad". Von Bargen intepretou também o satânico feiticeiro Nix no filme de Clive Barker, "O Mestre das Ilusões" e o Sheriff em "O Mensageiro". Ele retratou um homem da lei do Sul que perseguiu o personagem de George Clooney no filme de Joel Coen e Ethan Coen "E aí, meu irmão, cadê você?". Ele desempenhou um terrorista em uma estação, em 5 episódios de "Arquivo X". Era um especialista em interpretar figuras de autoridade. Von Bargen também participou das séries "Nos Bastidores do Poder", "Nova York Contra o Crime", "Arquivo X", "lly McBeal: Minha Vida de Solteira" e "O Quinteto". 
NASCIMENTO: 13 de março de 1940 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 12 de março de 2016 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Complicações de diabetes. 
OBS: Em 20 de fevereiro de 2012, Von Bargen atirou em si mesmo na cabeça, durante uma aparente tentativa de suicídio. Ele telefonou para um operador do serviço de emergência que despachou uma ambulância para o apartamento de Von Bargen em Montgomery, Ohio. Ele sofria de diabetes e já tinha tido uma perna amputada. Ao ligar para a emergência, ele disse ao telefonista que precisava ir ao hospital amputar dois dedos dos pés, mas "não queria", se submeter a outra cirurgia.

MORTE DE BERTO FILHO


NOME: Ulisberto Lelot (75 anos) 
QUEM FOI: Jornalista e locutor de televisão brasileiro atuante desde 1956. Foi o primeiro apresentador do RJTV, também atuou no Fantástico e no Jornal Nacional, da TV Globo, nos anos 80. Atuou como locutor de vídeos institucionais e apresentador de eventos e feiras até ser recontratado pela Rede Globo em 2004 para substituir Celso Freitas (que mudou-se para a Rede Record) na locução das matérias do Fantástico. Berto foi escolhido pela emissora por ter voz e entonação muito semelhantes à de Cid Moreira, também locutor do Fantástico. Segundo o jornalista Flávio Ricco, em 2008, não houve a renovação do contrato de Berto Filho com a Globo, ficando apenas Cid nas locuções do Fantástico. 
NASCIMENTO: 13 de março de 1940 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 12 de março de 2016 - Rio de Janeiro, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Câncer no cérebro e na garganta. 
OBS: Em tratamento no Instituto Nacional do Câncer (Inca) de Vila Isabel, na Zona Norte da cidade, o jornalista morreu por volta de 13h. Desde janeiro de 2015, depois de perder a mulher, Berto morava no Retiro dos Artistas, em Jacarepaguá, na Zona Oeste.